Executor de Policial Federal Penal do RN é preso nem Curitiba

Em abril de 2017 o policial federal penal Charlie Gama foi morto em Mossoró no Rio Grande do Norte. Passados quatro anos é preso executor que estava em Curitiba no Paraná — a Operação Ebenézer envolveu policiais federais dos dois estados e do Distrito Federal.

Charlie não foi morto no improviso com dois caras chegando em uma moto. Foi tudo planejado pelo Primeiro Comando da Capital, que até infiltrou uma empregada na casa dele para passar as informações. — fonte: site R7

Autor: Wagner Rizzi

O problema do mundo online, porém, é que aqui, assim como ninguém sabe que você é um cachorro, não dá para sacar se a pessoa do outro lado é do PCC. Na rede, quase nada do que parece, é. Uma senhorinha indefesa pode ser combatente de scammers; seu fã no Facebook pode ser um robô; e, como é o caso da página em questão, um aparente editor de site de facção pode se tratar de Rícard Wagner Rizzi... (site motherboard.vice.com)

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: