Integrante do PCC é morto no Mato Grosso por CVs

Vindo do Espírito Santo, Maurício Ferreira Lucas mal se ajeitou em Lucas do Rio Verde no Mato Grosso, e os integrantes do Comando Vermelho da cidade descobriram que era integrante do Primeiro Comando da Capital.

Ele foi pego em um bar lotado no Parque das Américas, foi morto e seu corpo jogado em um buraco. A investigação da polícia foi rápida e arrastou para a delegacia, onde oito acabaram presas pelo homicídio.

Autor: Wagner Rizzi

O problema do mundo online, porém, é que aqui, assim como ninguém sabe que você é um cachorro, não dá para sacar se a pessoa do outro lado é do PCC. Na rede, quase nada do que parece, é. Uma senhorinha indefesa pode ser combatente de scammers; seu fã no Facebook pode ser um robô; e, como é o caso da página em questão, um aparente editor de site de facção pode se tratar de Rícard Wagner Rizzi... (site motherboard.vice.com)

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: