O dinheiro do CV e os planos do PCC para o Amazonas

A Operação Rio Amazonas buscou desbaratar o esquema de lavagem de dinheiro do Comando Vermelho CV no Rio de Janeiro através da sua célula do Amazonas.

Não dava para entender a dificuldade do Primeiro Comando da Capital em dominar Manaus e a Rota do Solimões depois que a Família do Norte FDN ruiu.

De onde vinha a força do Comando Vermelho que só estava conseguindo vitórias, se está enfrentando tanta dificuldade nas comunidades cariocas com o apoio do governo Bolsonaro às milícias?

Talvez, a Operação Rio Amazonas, talvez seja um indício que o CV estava primeiro mandando a grama para depois mudar sua base central para o Norte — o CV já teria investido 126 milhões de Reais na região.  

Também chamou a atenção que a equipe que fazia a lavagem do dinheiro do CV era a mesma que lavava para o PCC. — Bruna Fantti para o Último Segundo

Autor: Wagner Rizzi

O problema do mundo online, porém, é que aqui, assim como ninguém sabe que você é um cachorro, não dá para sacar se a pessoa do outro lado é do PCC. Na rede, quase nada do que parece, é. Uma senhorinha indefesa pode ser combatente de scammers; seu fã no Facebook pode ser um robô; e, como é o caso da página em questão, um aparente editor de site de facção pode se tratar de Rícard Wagner Rizzi... (site motherboard.vice.com)

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: